Notícia



← Voltar à página de notícias

COMUNICADO

 

O PS Viseu congratula-se com a aprovação das obras da urgência do Hospital de Viseu.

A Concelhia do Partido Socialista refere que, mais uma vez, o governo socialista não deixa Viseu, nem a região de Viseu para trás. Lembra que, as obras da urgência e do centro oncológico  são há muito reclamadas, por todos os partidos políticos,  chegando mesmo, na Assembleia Municipal de Viseu, durante a governação PSD-CDS, serem prometidas. E,  pela voz do PSD, foi dito que, ultrapassados os ajustamentos nas contas públicas, estavam reunidas  as condições, para em breve, Viseu, ter boas notícias. Mas,  ou os ajustamentos das contas públicas  não chegaram a acontecer ou então estamos e estivemos  perante umas inverdades, pela parte do PSD, pois, tal como se pode constatar, hoje,  de 02-05-2019, através da publicação daResolução do Conselho de Ministros n.º 77/2019,  é aprovado  o Programa de Investimentos na Área da Saúde que autoriza a respetiva despesa, incluindo as obras de alargamento e remodelação das urgências do  Centro Hospitalar Tondela – Viseu.

Em  28 de março de 2019 o governo aprovou o citado programa  de cerca de 90 milhões de euros, para investimentos e equipamentos na saúde, incluindo as obras da urgência do Hospital de Viseu, no valor de mais de 5 milhões de euros.  Segundo a Sra. Ministra da Saúde as obras  vão começar entre maio- junho deste ano, faltando ao momento o visto do tribunal de contas. Mas as boas notícias também vão abranger a resposta ao centro oncológico, que inicialmente começou por ser ambicionado um centro de radioterapia, mas atendendo aos tratamentos de quimioterapia, que já são realizados no CHTV, e,  para que os doentes possam ter melhores condições nos seus tratamentos, o projeto de radioterapia evolui para  centro oncológico, obrigando a alteração do projeto. Este  facto levou a um atraso  na resposta,  ao  já anunciado pelo Ex Secretário de Estado da Saúde em maio de 2017, contudo, e  após a entrega do novo projeto, por parte do CHTV, ao Ministério da Saúde, o processo vai  evoluir  para a sua concretização.

Afinal quem mente não é o governo socialista, este chapéu serve, tal como se constata,  à Direita, PSD/CDS, porque,  escusos nos argumentos da troika, a degradação dos serviços de saúde e  respetivos equipamentos,  e a uma ausência total, no investimento na saúde, esta foi a palavra de ordem na governação PSD/CDS.

A concelhia do Partido Socialista lamenta a  atitude que o PSD assumiu neste processo, lembrando que, quando têm funções governativas defendem que,  instituições como o Centro Hospitalar Tondela /Viseu, não devem ser objeto de argumentação político partidária, mas, muda o governo, mudam-se as atitudes. Contudo, o governo Socialista deu a resposta que os Viseenses ansiavam  há muito, não esquecendo que neste momento, muitos há,  que querem ser “o pai da criança”. 

A Presidente da Concelhia do PS Viseu

Lúcia Araújo Silva

Viseu 2 de maio de 2019


08 de Maio de 2019

partilhar em: